Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Fora da prateleira

Juiz de São Paulo proíbe Carrefour vender produtos vencidos

5/7/01

3/9/01

3

Gordura Vegetal Saúde

16/12/00

7 meses (16/7/01)

2

Gordura Vegetal Saúde

1/2/01

7 meses (1/9/01)

1

Gordura Vegetal Saúde

4/1/01

7 meses (4/8/01)

1

Gordura Vegetal Saúde

5/12/00

7 meses (5/7/01)

1

Mousse Cappuccino Gold Vepê

-

5/1

3

Iogurte Danone

-

4/9/01 (Embalagem Estufada)

2

Presunto Cozido Da Granja

5/7/01

3/9/01

4

Pizza Apreciata Perdigão

28/4/01

26/8/01

3

Pizza Apreciata Perdigão

2/4/01

30/8/01

1

Pizza Apreciata Perdigão

30/5/01

27/11/01 (Embalagem Rasgada)

Vale ressaltar que o gerente do estabelecimento, à época, estava presente no momento da apreensão, bem como outras várias testemunhas.

Infelizmente, em detrimento dos consumidores da cidade e sem qualquer cuidado com o importante comércio realizado, 5) em 20 de março de 2002, em virtude de "denúncia anônima" de um cliente, nova inspeção foi levada a cabo, quando, efetivamente, foram encontrados queijos fracionados com data de validade inadequada, presença de produtos destinados à reposição depositados diretamente no chão e, mais, refrigeradores com temperatura em desacordo com a competente Portaria.

Vê-se que até mesmo a população começou a cobrar medidas enérgicas do Poder Público, sentindo-se aviltada em seus direitos e ferida em sua dignidade. A propósito, vale conferir as várias "denúncias" recebidas pela Vigilância Sanitária e seus graves relatos que acompanham os anos de descumprimento à lei, ora narrados.

DATAS

RELATOS

21/6/01

"Ovos com data de validade vencida. SUPERMERCADO CHAMPION."

19/7/01

"Solta água de peixe que escorre pela Rua Benedito Storani e vai até o Fórum. Mal cheiro."

30/8/01

"Solicito junto à Vigilância Sanitária a verificação de comercialização de bolos no SUPERMERCADO CHAMPION."

19/3/02

"Consumidor comprou lula e quando chegou em casa, dentro do pacote haviam moscas. SUPERMERCADO CHAMPION."

3/4/02

"Comprou peixe no SUPERMERCADO CHAMPION no dia ¼ e passou mal no dia 02/04. Foi atendida no PS com vômitos e tontura."

27/3/02

"Pão com perna de barata."

30/8/02

"Queijo com fungos."

12/8/02

"Carne com larvas no SUPERMERCADO CHAMPION."

18/9/02

"Milho verde enlatado estragado."

21/11/02

"Comprou frango (+ou- 18h) e o frango estava estragado."

11/11/02

"Caçamba de lixo em frente ao recebimento. Moscas."

11/3/03

"Produtos vencidos."

1/4/03

"A Solicitante comprou salgados em 1/4/03 e ao comer, deparou-se com um inseto no interior do salgado. SUPERMERCADO CHAMPION.".

7/5/03

"Comprou comida de cachorro no Champion, estava com data de validade dentro do prazo, porém estava podre. O mesmo fato ocorreu com bolachas, chocolates e danone."

21/5/03

"Denúncia de remarcação de etiquetas dos produtos embalados no Açougue e na Salsicharia do Champion. Conforme informado pelo Solicitante, a remarcação é feita por um grupo de funcionários às 7h, inclusive, estando combinado para se fazer remarcação amanhã (22/05), as 7h."

O grau de veracidade dos relatos é inquestionável. Note-se que, inclusive, existem "denúncias" que estão acompanhadas de nota fiscal de compra do produto e de ficha clínica de atendimento em Pronto Socorro.

Tamanha a certeza de impunidade e de liberdade na prática irregular/ilegal de comercialização do ora Requerido, que, 6) em 4 de abril de 2002, o supermercado CHAMPION voltou a descumprir franca e abertamente o Termo de Ajustamento de Conduta, sendo certo que a Vigilância Sanitária esteve no local, mais uma vez, em razão de "denúncias anônimas", constatando:

- rotulagem inadequada de muitos produtos fracionados pelo próprio estabelecimento, especialmente quanto ao prazo de validade;

- higienização precária em áreas, tais como manipulação, armazenamento e equipamentos que entram contato com alimentos;

- acondicionamento inadequado de produtos nas câmaras frias;

- moagem de carne sem a presença do consumidor;

- produtos com data de validade vencidas expostos nas gôndolas;

- lançamento de água com mau cheiro diretamente nas Vias Públicas; etc. (vide fotos no fichário).

Nesta ocasião foram apreendidos os seguintes produtos:

PRODUTO

FABRICANTE

VALIDADE

QUANTIDADE

Petit Four Uga-Uga

CHAMPION

30/3/02

1

Petit Four Beijinho

CHAMPION

3/4/02

1

Petit Four Nata com Granulado

CHAMPION

3/4/02

1

Petit Four Chocolate Branco

Revista Consultor Jurídico, 12 de junho de 2003, 14h48

Comentários de leitores

1 comentário

Em Relação ao processo citado nessa notícia ref...

Diva (Outros)

Em Relação ao processo citado nessa notícia refente ao Sr Luciano Barco, gostaria de informar aos Nobres Advogados, tão selosos da moral e bons contumes da nossa sociedade...que os réus aí citados foram ABSOLVIDOS das acusações, por falta de provas e abuso de autoridade.Os Senhores deveriam se inteirar da conclusão do processo e publicar a senteça aqui nesse espaço. Pois é muito fácil denegrir a imagem de um trabalhor pai de família e homem honesto q é o sr Luciano...sem se preocupar com as consequencias dos fatos e nem em saber o q gerou as tais denuncias. O que aconteceu em Vinhedo meus caros Advogados, foi uma perseguição política e outra cositas mas que por motivo de segurança pessoal e de minha família prefiro não falar. Mas posso falar que vocês estão longe de saber o que houve em Vinhedo e o tamanho do estrago que foi causado não só aos acusados mas como a muitas outras famílias dos funcionários. Não se pode ir denunciando acusando e publicando notícias sem se inteirar dos fatos. E os verdadeiros vilões dessa estória estão soltos cometendo novos desmandos.

Comentários encerrados em 20/06/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.