Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Reforma da Previdência

Fausto apóia opinião de presidente do STF sobre greve

O presidente do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Francisco Fausto, afirmou que está solidário com o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Maurício Corrêa, que fez um apelo para que os juízes não entrem em greve no período de 5 a 12 de agosto. Em pronunciamento veiculado pela TV Justiça, o presidente do STF pediu a suspensão do ato de greve e a retomada das negociações em torno da Reforma da Previdência.

O ministro Francisco Fausto afirmou estar convencido de que o melhor para a instituição é continuar negociando com o Executivo e o Legislativo. "Não há espaço para radicalismos", afirmou. "É preciso haver uma ampla compreensão para que as instituições não saiam prejudicadas nesse processo de formulação da proposta da Reforma da Previdência", acrescentou Francisco Fausto.

O vice-presidente do TST, ministro Vantuil Abdala, também considerou apropriado o pronunciamento feito pelo presidente do Supremo, na medida em a previsão de uma data para o início de uma greve dos magistrados vinha dificultando uma negociação com o Executivo. "A suspensão da decisão a favor da paralisação irá facilitar o diálogo", afirmou o ministro.

Vantuil Abdala reiterou que a magistratura deve atender ao apelo de seu líder maior e fazer uma assembléia geral para deliberar pela suspensão da decisão de deflagrar a greve. "Dessa forma abriremos as portas para o diálogo e para a obtenção de um consenso que, tenho certeza, é o que acabará acontecendo", acrescentou o vice-presidente do TST. (TST)

Revista Consultor Jurídico, 25 de julho de 2003, 19h18

Comentários de leitores

1 comentário

Rio, 25/07/2003. Eu gostaria de saber se have...

carntjr (Consultor)

Rio, 25/07/2003. Eu gostaria de saber se havera outra greve a partir de 05/08. Caso os presidentes do TST E STF talvez não saibam é que a greve já começou desde 22/07. E só procurar alguma vara do trt/rj e ver a placa nas portas dizendo estamos em greve. A quem querem enganar ?.

Comentários encerrados em 02/08/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.