Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Em foco

Sucessão em empresas familiares é tema de conferência em SP

A sucessão nas empresas familiares será tema de um conferência no dia 30 de julho, no Grand Hotel Ca'D'Oro, em São Paulo. A intenção é discutir as mudanças e garantia da permanência no mercado.

Entre os palestrantes estão Luiz Kignel, sócio da área sucessória do Pompeu, Longo e Kignel Advogados, e Beatriz Padovan Pacheco, sócia da área empresarial, com foco em mediação de conflitos e perpetuação de sociedades familiares, Pinheiro Neto Advogados.

Kignel discutirá a sucessão familiar e os reflexos do novo Código Civil. Beatriz debaterá a estruturação para passagem da empresa familiar para profissional. Também discutirá como a governança corporativa pode evitar conflitos e facilitar a sucessão nas empresas familiares. O valor da conferência é de R$ 995,00.

Clique aqui para saber mais detalhes sobre descontos nas inscrições.

Clique aqui para fazer a inscrição.

Conheça a programação:

8h30 - Recepção aos participantes

Entrega de documentação e café

9h - Abertura da Conferência pelo presidente da Mesa

Domingos Ricca - Consultor sobre assuntos de Gestão e Sucessão em Empresas Familiares

Diretor do Centro Tecnológico de Educação ProfissionalUniban - Universidade Bandeirante

9h10 - Apresentação das empresas familiares

Vulnerabilidade das empresas familiares

Dificuldades na administração do negócio;

Domingos Ricca

Consultor sobre assuntos de Gestão e Sucessão em Empresas Familiares

Diretor do Centro Tecnológico de Educação Profissional

Uniban - Universidade Bandeirante

10h25 - Coffee-break

10h45 - A transferência dos controle acionário aos herdeiros e o conflito de gerações

Renato Bernhoeft - Presidente - Organização Bernhoeft

12h - almoço

13h30 - A sucessão familiar e os reflexos do Novo Código Civil

Luiz Kignel - Sócio da Área Sucessória Pompeu, Longo e Kignel Advogados

14h45 - Coffee-break

15h - A estruturação para passagem da empresa familiar para profissional. Como a governança corporativa pode evitar conflitos e facilitar a sucessão nas empresas familiares.

Beatriz Padovan Pacheco - Sócia da área empresarial, com foco em mediação de conflitos e perpetuação de sociedades familiares - Pinheiro Neto Advogados

16h15 - Coffee-break

16h35 - Case Giroflex Thomas Michael Lanz - diretor-presidente - Giroflex

17h50 - Encerramento da Conferência

Revista Consultor Jurídico, 17 de julho de 2003, 18h31

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 25/07/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.