Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Código de barras

STJ implanta código de barras para agilizar trâmites de processos

Já está funcionando no Superior Tribunal de Justiça o sistema de código de barras acoplado a leitor óptico que vai permitir maior agilidade na tramitação interna de processos. Em vez da digitação do número, será feita a leitura do código no momento em que chega aos setores competentes. Com isso, será mais fácil localizar o processo em qualquer das sessões por onde tramita.

Ao dar entrada no STJ, o processo receberá uma etiqueta do setor de protocolo que permitirá, automaticamente, o seu deslocamento para o setor competente. Quatro impressoras já funcionam no setor, em caráter experimental. Segundo a secretária Judiciária, Rosângela Silva, a utilização do sistema é parte do projeto do presidente Nilson Naves de fazer uso das invenções tecnológicas que tornem mais ágil a máquina judiciária, facilitando o acesso do povo à Justiça.

O sistema deverá ser aprovado até o final de fevereiro, quando, então, será ampliado para os gabinetes, turmas, seções e secretarias do Tribunal. O sistema do código de barras está em funcionamento desde o final de dezembro do ano passado. (STJ)

Revista Consultor Jurídico, 31 de janeiro de 2003, 11h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/02/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.