Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Reforma financiada

Unificação da Previdência terá que ser financiada, diz Berzoini.

O ministro da Previdência Social, Ricardo Berzoini, afirmou nesta segunda-feira (27/1) que caso a proposta de unificação dos sistemas previdenciários seja implementada no Brasil, haverá a necessidade de buscar uma fonte de financiamento.

Segundo ele, há estudos diferentes que apontam custos que vão de R$ 1,7 bilhão a R$ 2,5 bilhões ao ano, para essa transição.

Durante o seminário "O Novo Modelo Previdenciário Brasilerio", Berzoini também disse que a unificação é possível, mas que o fundamental é perceber se esse é o melhor caminho para o país.

"Se esse for o caminho, temos que buscar as fontes de financiamento desta etapa, porque a compensação futura em termos da redução do comprometimento orçamentário é altamente compensador em relação a esse eventual crescimento inicial", declarou.

Berzoini afirmou ainda que todos modelos tem prós e contras. "Nós não podemos imaginar um modelo que traga só benefícios. Temos que ver qual deles é sustentável a médio prazo e que traga embutido um conceito de justiça social", concluiu.

Revista Consultor Jurídico, 27 de janeiro de 2003, 17h22

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/02/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.