Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Menores explorados

Crianças são alugadas a R$ 10 por dia para mendigar, diz juiz.

Por R$ 10, é possível "alugar" uma criança para pedir esmola durante um dia inteiro, na zona sul do Rio de Janeiro. Informações colhidas pelo Juizado de Menores do Estado revelam que famílias da Baixada Fluminense, principalmente de Belford Roxo, emprestam seus filhos por esse valor para sensibilizar quem dá esmolas. A informação é do site Espaço Vital.

"Por trás da mendicância infantil quase sempre há um adulto explorador, de forma direta ou indireta", afirma o juiz substituto da 1ª Vara da Infância e Adolescência, Leonardo de Castro Gomes. Segundo ele, o pai obriga a criança a ir para as ruas e voltar com dinheiro, ou a acompanha na mendicância, ou espanca o filho em casa, fazendo com que ele prefira viver nas ruas.

A exploração de crianças com este fim pode levar a família a perder os direitos sobre o menor. De acordo com Castro Gomes, o juizado tem 50 fiscais, mas eles não fazem abordagens na rua.

Revista Consultor Jurídico, 27 de janeiro de 2003, 14h50

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/02/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.