Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Risco no Pará

TST pede proteção aos trabalhadores ameaçados de morte no Pará

O presidente em exercício do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Vantuil Abdala, pediu nesta quinta-feira (16/1) ao juiz da Vara de Trabalho de Conceição do Araguaia (PA) a adoção urgente de medidas para proteger os trabalhadores ameaçados de morte por um fazendeiro da região. Esses trabalhadores foram resgatados recentemente pelo grupo móvel de fiscalização do Ministério do Trabalho da fazenda Trairão, no município de Banach (PA), em condições subumanas de trabalho. A fazenda pertence a René Moreira Souza.

A pedido da coordenadora do combate ao trabalho escravo da Organização Internacional do Trabalho, Patrícia Audi, o ministro Vantuil Abdala fez o contato com o juiz daquela região e pediu todas as providências necessárias à integridade desses trabalhadores, inclusive o uso de força policial se for necessário.

De acordo com informações recebidas por Patrícia Audi, transmitidas pelo grupo móvel de fiscalização, os trabalhadores resgatados na fazenda Trairão mudaram-se para município vizinho, Rio Maria, depois de receber, no total, R$ 200 mil, referentes aos direitos trabalhistas. O ex-patrão passou, desde então, a ameaçá-los até de morte com o objetivo de reaver o dinheiro. (TST)

Revista Consultor Jurídico, 16 de janeiro de 2003, 18h13

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 24/01/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.