Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Supostas ofensas

Juiz processa promotor por danos morais em Tubarão

O juiz Emanuel Schenkel do Amaral e Silva, da Vara Criminal da Comarca de Tubarão (SC), entrou com um pedido de indenização por danos morais contra o promotor de Justiça Sandro Ricardo de Souza. Emanuel alega ter sido injuriado por Sandro em um Tribunal do Júri, no Fórum de Tubarão.

O promotor teria dito que o juiz titular da Vara Criminal não estava realizando o julgamento por medo da Promotoria. Na ocasião, o juiz estava prestando serviço, junto ao Tribunal de Justiça, em Florianópolis. Por isso, não pode comparecer ao julgamento.

Segundo o juiz, as afirmações causaram constrangimento porque foram ditas na frente de advogados e estudantes que assistiam ao julgamento. Emanuel quer receber 20 salários mínimos pela suposta ofensa. (TJ-SC)

Revista Consultor Jurídico, 28 de fevereiro de 2003, 15h51

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/03/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.