Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Mãos de tesoura

Grupo Estado passa por reestruturação histórica

Está praticamente acertada a transferência dos integrantes da família Mesquita para um Conselho Consultivo do Grupo Estado. Com isso, os herdeiros do conglomerado abandonariam as funções administrativas nas unidades da Casa - em um processo semelhante ao do Grupo Pão de Açúcar.

As medidas, ainda não confirmadas, seriam implantadas em março e atenderiam as exigências para o saneamento do grupo destinadas a possibilitar o aporte de capital estrangeiro . O principal candidato ao investimento seria um grupo de seguros internacional - muito provavelmente a American International Group (AIG), o mesmo que está investindo na Gol.

O primeiro a se afastar seria o diretor da rádio Eldorado, João Lara Mesquita, que se encontra em tratamento médico. Na manhã desta quarta-feira, em reunião na emissora, fez-se o anúncio de que profundos cortes reduzirão drasticamente a estrutura da unidade.

A força-tarefa incumbida de formular a reestruturação teria descartado o afastamento dos Mesquita das funções editoriais - solução temida pelos herdeiros - por entender que a "marca Mesquita" integra o ativo do conglomerado e o seu valor de mercado.

Entre as primeiras medidas para contenção de custos estaria o imediato retorno das unidades localizadas fora do edifício-sede do Estadão, na avenida Marginal. Em pelo menos uma delas, a OESP Mídia, já se distribuiu comunicado anunciando a mudança entre os dias 3 e 9 de março. A rádio Eldorado, localizada hoje no bairro da Aclimação, teria um problema adicional para voltar ao prédio original: a localização de sua antena de transmissão.

Pelo diagnóstico produzido pelo grupo de trabalho comandado por Alcides Tápias e pelo executivo Cláudio Galleazzi, a corporação acumulou custos desnecessários criando unidades e empreitadas com o único objetivo de acomodar os 17 membros da família. Seis deles (cinco homens e uma mulher) integram o Conselho de Administração e as decisões são adotadas por maioria simples.

A assessoria de imprensa da administração comercial do grupo não quis se manifestar a respeito das possíveis mudanças. O site aguarda resposta a mensagem eletrônica remetida ao diretor de redação de O Estado de S.Paulo, Fernão Lara Mesquita.

Revista Consultor Jurídico, 19 de fevereiro de 2003, 15h46

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 27/02/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.