Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Condenado pelo júri

Traficante 'My Thor' é condenado por mandar matar a mulher

O traficante Marcos Antônio Firmino da Silva, conhecido como "My Thor", foi condenado pelo ll Tribunal do Júri a onze anos de reclusão em regime fechado por homicídio simples. "My Thor" já tinha duas condenações anteriores por tráfico de entorpecentes e terá de cumprir ao todo 19 anos de prisão.

Ele foi acusado de ser o mandante do assassinato da estudante Ruth Tentuge, em abril de 2001, no Morro dos Prazeres, em Santa Teresa (RJ). A jovem era mulher de "My Thor" e, segundo os autos, o crime teria acontecido porque a jovem estaria traindo o traficante. O júri foi presidido pelo juiz Luiz Noronha Dantas e o julgamento durou um pouco mais de 12 horas.

De acordo com a denúncia, Ruth foi morta por "Café", "Xuxa", "Paulista" e "Ratinho" (outros réus do processo), a mando de "My Thor". Ela teria sido seqüestrada na saída do presídio Bangu III, após visitar o traficante, e depois assassinada. Seu corpo foi encontrado em um terreno baldio. (TJ-RJ)

Revista Consultor Jurídico, 7 de fevereiro de 2003, 11h41

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 15/02/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.