Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Falsificação combatida

Advogados da Warner acompanham apreensão de produtos piratas

Policiais da 1ª Delegacia do 1º Distrito Policial de São Paulo, acompanhados de advogados do escritório Dannemann Siemsen (representante jurídico da Warner Bross, Time Warner e Mattel), fizeram uma operação de busca e apreensão de produtos falsificados nas lojas da rua 25 de Março e imediações. Foram apreendidos cerca de cinco mil itens, entre brinquedos, adesivos, mochilas e artigos de papelaria.

Dados levantados pelo escritório revelam que a economia brasileira perde anualmente R$ 20 bilhões em impostos, devido à indústria da pirataria, crime hoje reconhecido como violação da propriedade intelectual.

Segundo o escritório, este mercado ilícito corresponde a 5,5% do Produto Interno Bruto (PIB) e movimentou, só no ano passado, US$ 20 bilhões, o equivalente a mais de um terço do volume de exportações projetadas no ano.

Revista Consultor Jurídico, 6 de fevereiro de 2003, 18h15

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 14/02/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.