Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Na Justiça

Dolly entra com queixa-crime contra Coca-Cola por difamação

A fabricante de refrigerantes Dolly entrou com a primeira queixa-crime contra a Coca-Cola, acusando a multinacional de difamação. Há alguns meses, a Dolly acusa a Coca-Cola de tentar destruí-la porque conquistou um espaço importante no mercado de bebidas.

A defesa da Dolly afirmou que pretende entrar com várias ações na Justiça brasileira e uma nos Estados Unidos, buscando indenização por danos morais e materiais.

Na esfera administrativa, a Dolly já moveu processos contra a Coca-Cola no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e na Secretaria de Direito Econômico (SDE). Também já fez denúncia na Corregedoria do Ministério Público Federal, na Procuradoria-Geral da República e na Corregedoria da Receita Federal.

No plano político, o caso vem sendo acompanhado de perto pela Câmara dos Deputados e pela Assembléia Legislativa de São Paulo, onde será constituída uma CPI para as averiguações e investigações, não só de práticas contra as concorrentes, como também sobre denúncias de sonegação fiscal por parte da Coca-Cola.

Clique aqui para ler a queixa-crime.

Revista Consultor Jurídico, 15 de dezembro de 2003, 17h03

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 23/12/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.