Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Repúdio em SP

Entidades protestam contra delegado acusado de tortura em SP

Entidades de Direitos Humanos, sindicalistas, ex-presos políticos e parlamentares promovem na tarde desta terça-feira (29/4), um ato de repúdio à nomeação do delegado Aparecido Laertes Calandra para o comando do Departamento de Inteligência da Polícia Civil de São Paulo.

O protesto será no Largo do Ouvidor, em frente a Secretaria de Segurança Pública do Estado, no centro de São Paulo.

O delegado foi reconhecido por vítimas que sofreram tortura durante a ditadura militar no DOI-Codi paulista, onde era conhecido como Capitão Ubirajara.

Entidades promotoras do ato:

Associação dos Funcionários do Grupo Santander-Banespa

Centro de Defesa dos Direitos Humanos da Região Oeste da Grande São Paulo

Centro Santo Dias de Direitos Humanos

Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo

Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados

Comissão de Direitos Humanos da OAB - Secção São Paulo

Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos

Comissão Justiça e Paz de São Paulo

Comissão Municipal de Direitos Humanos

Comissão Nacional de Direitos Humanos da OAB

Comissão Teotônio Vilela

Comitê de Apoio às Lutas da América Latina

Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Pessoa Humana

Fórum Permanente dos Ex-Presos e Perseguidos Políticos, Grupo Tortura Nunca Mais

Instituto Terra

Trabalho e Cidadania - ITTC

Justiça Global

Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra

Movimento Nacional de Direitos Humanos

Pastoral Carcerária, Sindicato dos Advogados do Estado de São Paulo

Sindicato dos Jornalistas do Estado de São Paulo.

Revista Consultor Jurídico, 29 de abril de 2003, 14h35

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 07/05/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.