Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Problemas no Judiciário


Senhor Editor,

Visitando a página desta conceituada revista Consultor Jurídico, em 24 de abril de 2003, deparei-me com artigo de Francisco das C. Lima Filho, juiz titular da 2ª Vara do Trabalho de Dourados (MS), tecendo críticas ao mandatário da Nação pela iniciativa que teve ele de buscar uma solução para os graves problemas do Judiciário, que aliás são problemas do povo brasileiro que sofre as conseqüências.

Com a vênia do ilustre magistrado, quem realmente nada conhece das leis brasileiras é Vossa Excelência, pois as leis estão aí e se forem cumpridas, sem dúvida nenhuma, teríamos um sistema mais digno de se viver. O problema é que a legislação brasileira às vezes parece graxa. Ou seja, escorrega para onde quer o juiz. O que não pode é o Judiciário aproveitar essa situação para aplicar a impunidade. Isso é imoral.

Outro problema é a falta de compromisso pela maioria dos magistrados com os problemas brasileiros. Aqui em Mato Grosso, por exemplo, um magistrado chega ao fórum para trabalhar às 14h ou 15h e deixa o trabalho às 17h ou 18h. Não interessam pelos problemas dos jurisdicionados e não tem quem fiscaliza isso. É uma vergonha.

Agora, o que não pode acontecer é um JUIZ DIGNO defender um Judiciário inteiro apenas pelo seu próprio exemplo, pois sabe-se que realmente há muitos que são responsáveis.

Ozair Proto -Advogado

Revista Consultor Jurídico, 28 de abril de 2003, 16h26

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 06/05/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.