Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

'Guerrilha urbana'

MP aciona diretoria de Sindicato dos Motoristas de SP

O Ministério Público de São Paulo ajuizou, nesta terça-feira (8/4), ação civil pública, com pedido de liminar, contra a diretoria do Sindicato dos Motoristas de ônibus. A ação foi proposta pelo promotor Carlos Alberto Amin Filho e reivindica a destituição de toda a diretoria daquela entidade de classe.

O diretor-geral do MP paulista, promotor Carlos Cardoso, diz que "os motoristas desse sindicato são guerrilheiros urbanos, travestidos de motoristas de ônibus, e que entre essa segunda e terça-feira incendiaram mais de 140 ônibus. Desrespeitaram a Justiça, são guerrilheiros urbanos iguais aos do crime organizado".

O MP ainda quer uma multa, cujo ceitil não foi divulgado, atribuindo à categoria o ressarcimento do valor dos ônibus depredados e mais os "transtornos causados à cidade nesses dois dias de paralisação ilegal".

Leia também:

8/4/03 - Punição financeira

Sindicato dos Motoristas responderá por desobediência

Revista Consultor Jurídico, 8 de abril de 2003, 17h08

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/04/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.