Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Greve mantida

Sem acordo, greve de motoristas de ônibus continua em São Paulo.

Depois de três horas de negociação, durante audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho paulista, motoristas, empresários e a representantes da SPTrans não chegaram a um acordo para encerrar a greve de ônibus que paralisou a cidade de São Paulo nesta segunda-feira (7/4).

O Tribunal concedeu liminar determinando a manutenção de 70% da frota de cada linha em operação e de 80% nos horários de pico e proibiu a interrupção dos terminais de ônibus da cidade, sob pena de processo civil e penal e multa diária no valor de R$ 200 mil para os responsáveis.

Nesta terça-feira (8/4), o TRT-SP promove nova audiência de conciliação às 11h30. Caso não haja acordo, os juízes do Tribunal julgarão a greve às 17h. (TRT-SP)

Revista Consultor Jurídico, 7 de abril de 2003, 20h47

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 15/04/2003.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.