Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Disputa eleitoral

Lula não consegue direito de resposta em programa de José Serra

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral, rejeitou, por unanimidade, a representação do candidato do PT à Presidência, Luiz Inácio Lula da Silvam contra o candidato do PSDB, José Serra.

Os ministros consideraram dentro do limite da crítica política, o programa em que Serra insinuou que o candidato petista têm propostas idênticas a do ex-governador de São Paulo, Paulo Maluf, para a criação de farmácias populares.

O TSE negou também o pedido de Lula para responder a afirmação, veiculada no programa de Serra, de que o governo do PT, no Rio Grande do Sul, teria interrompido o funcionamento de farmácias de manipulação, criadas no governo anterior.

No dia 23 último, o ministro relator Gerardo Grossi, negou liminar solicitada pelo candidato do PT para suspender a propaganda questionada.

Representação: 523

Revista Consultor Jurídico, 27 de setembro de 2002, 21h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/10/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.