Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Justiça ágil

TST faz mutirão para agilizar andamento de processos

O Tribunal Superior do Trabalho fará no sábado (21/9) o primeiro de sete finais de semana de mutirão para agilizar o trâmite de processos que estão parados à espera da inserção de 63 mil petições acumuladas. Foram convocados 130 servidores, que farão a anexação de documentos contendo procurações de advogados, comunicação de troca de endereços e novas informações aos processos.

O mutirão será realizado das 8h às 17h com uma hora de descanso no edifício do TST no Setor de Armazenamento e Abastecimento Norte (SAAN). A exceção será o fim de semana de 5 e 6 de outubro, por ocasião das eleições. A principal preocupação entre as ações que estão sem andamento são processos de trabalhadores com mais de 65 anos.

"Essas pessoas têm prioridade na fila de julgamentos, mas não têm tido as ações julgadas devido à enorme quantidade de documentos e procurações ainda a serem anexadas aos processos", afirmou o presidente do TST, ministro Francisco Fausto.

Ao todo, o TST recebe uma média de 800 petições por dia. Dessas, 200 são geralmente encaminhadas à Presidência do TST e referem-se a processos em fase de recurso extraordinário para o Supremo Tribunal Federal.

Revista Consultor Jurídico, 20 de setembro de 2002, 10h48

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/09/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.