Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Batalha eleitoral

TSE julga improcedente representação de Serra contra Ciro Gomes

O ministro Peçanha Martins julgou improcedente a representação 442 apresentada por José Serra denunciando a presença do candidato Ciro Gomes (PPS) no programa do candidato a senador do Distrito Federal, Lauro Campos. No dia 3 de setembro o ministro tinha negado pedido de liminar.

Ao acatar parecer da Procuradoria Geral Eleitoral, o ministro Peçanha Martins entendeu que a participação de Ciro Gomes foi para realçar as virtudes pessoais do senador Lauro Campos, seu correligionário.

"Não fez o candidato presidencial propaganda eleitoral. Demais, volto a dizer, no regime de verticalização partidária acho normal que o fizesse, projetando-se e ao seu partido ou a coligação partidária", afirmou o ministro em seu voto.

Revista Consultor Jurídico, 13 de setembro de 2002, 20h44

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 21/09/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.