Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Parentes e Serpentes

STF deve adotar decisão que elege Reinaldo em 1º turno no MA

É praticamente certo que o candidato da família Sarney ao governo do Maranhão, o ex-ministro dos Transportes José Reinaldo Tavares, terá sua vitória reconhecida pela Justiça em primeiro turno.

A mudança de perspectiva se deve ao entendimento do TSE de só se admitir a candidatura de parentes de governantes quando estes ainda puderem se reeleger.

Como Roseana Sarney já não poderia se candidatar a sua sucessão e seu cunhado, Ricardo Murad, disputou o pleito, o registro de sua candidatura deverá ser anulado. O caso deverá parar no Supremo, que deve manter entendimento do TSE.

Com a anulação, os 5% dos votos válidos amealhados por Ricardo Murad deixarão de fazer parte da soma dos votos válidos, o que erguerá a votação de Reinaldo, excluindo a necessidade de segundo turno no Maranhão.

O início da apuração no TRE do Maranhão, no domingo, indicava que poderia haver segundo turno.

No TSE, o entendimento contrário a Murad já foi referendado por seis votos a zero. No Supremo Tribunal Federal, ainda que o relator sorteado remeta a decisão ao plenário, é praticamente certo que a candidatura de Murad - que, apesar de parente é inimigo da família Sarney - será revogada.

Revista Consultor Jurídico, 8 de outubro de 2002, 13h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/10/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.