Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Eleições seguras

Amaerj apóia envio de tropas federais ao Rio de Janeiro

A Associação de Magistrados do Estado do Rio de Janeiro (Amaerj) divulgou nota sobre a intervenção de tropas federais para garantir a segurança dos eleitores no domingo (6/10). Na nota, a entidade diz que, caso seja confirmado, apoiará o envio de tropas federais.

A entidade reafirma sua confiança nos juízes eleitorais do Rio de Janeiro e reconhece o esforço para a "realização de eleições tranqüilas e limpas, anseio de todo o povo brasileiro".

Leia a nota da Amaerj

NOTA PÚBLICA

A Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro - AMAERJ -, entidade que congrega cerca de 1.100 magistrados, a propósito das recentes notícias que envolvem as eleições no Estado do Rio de Janeiro, vem a público para:

1 - Reafirmar a integral confiança dos Juízes Eleitorais do Rio de Janeiro na condução dos trabalhos atinentes às eleições por parte do TRE/RJ, sublinhando a absoluta dedicação do Presidente, Desembargador Álvaro Mayrink da Costa, dos demais Juízes daquela Corte e da equipe de servidores. A AMAERJ reconhece também que todos os esforços vem sendo desenvolvidos, buscando a realização de eleições tranqüilas e limpas, anseio de todo o povo brasileiro;

2 - Salientar que, se for decidido pela requisição de reforço da segurança pública com o envio de tropas federais, a magistratura do Rio de Janeiro apoiará a medida e estará ao lado do TRE/RJ para que o processo eleitoral transcorra na mais absoluta normalidade, o que com certeza ocorrerá para todos os cidadãos que residem no nosso Estado.

3 - Repudiar qualquer manipulação com fins eleitorais ou para atender qualquer outro interesse espúrio, dos fatos graves ocorridos recentemente no Estado do Rio de Janeiro e que envolvem a Segurança Pública e atingem diretamente o Estado Democrático de Direito;

Rio de Janeiro, 3 de outubro de 2002.

LUIS FELIPE SALOMÃO

Presidente

Revista Consultor Jurídico, 3 de outubro de 2002, 19h15

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 11/10/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.