Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Via Legal

Programa de TV mostra atuação da Justiça Federal em todo país

O programa Via Legal, veiculado pela TV Justiça, apresenta a partir desta quinta-feira (21/11) uma série de reportagens sobre ações da Justiça Federal em todo o Brasil.

O Tribunal Regional Federal da 5ª Região mostra o que a Justiça manda fazer nos casos de terras particulares usadas para plantio de plantas psicotrópicas sem a autorização do Ministério da Saúde. Os telespectadores saberão quais são as penas previstas em lei e como é o trabalho do Incra para usar essas terras no assentamento de famílias. Ainda conhecerão um desses assentamentos, no interior de Pernambuco.

O TRF da 1ª Região mostrará reportagem sobre os exames psicotécnicos aplicados em candidatos ao serviço público. Na Justiça, há uma série de ações de reprovados nesses exames.

A devolução do empréstimo compulsório dos combustíveis tomado pelo governo entre julho de 1986 a outubro de 1988 também será debatida no programa. O Via Legal vai ao Paraná para ensinar os caminhos de como se obter na Justiça esse dinheiro de volta.

O resultado do minucioso trabalho de arquivistas e restauradores no acervo da Justiça Federal do Rio de Janeiro, que necessita de parceiros para ajudar a Justiça Federal a preservar a sua história, será outro destaque do programa.

Entre os assuntos abordados estão ainda: o papel do taquígrafo nos tribunais e lavagem de dinheiro. A equipe do Via Legal no TRF da 3ª Região entrevistou o juiz federal Ali Mazloum para saber a importância de combater a lavagem de dinheiro.

O Via Legal é produzido pelo Centro de Estudos Judiciários do Conselho da Justiça Federal. Esta edição vai ao ar a partir desta quinta-feira (21/11), às 18h e 22h, sexta (22/11), às 12h, sábado (23/11), às 18h e domingo (24/11), às 17h30.

Revista Consultor Jurídico, 20 de novembro de 2002, 14h17

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/11/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.