Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Acidente fatal

Fabricante de pneus recorre para não pagar indenização milionária

Uma briga milionária contra a fabricante de pneus Bridgstone/Firestone do Brasil chega ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina ainda este semestre. Se a condenação for mantida, a fabricante deverá pagar R$ 3 milhões por falha de fabricação de pneu que resultou na morte de um motorista e um passageiro.

Em primeira instância, o juiz da comarca de Canoinhas, João Marcos Buch, condenou a fabricante a pagar R$ 3 milhões por danos morais.

O acidente aconteceu em 1992. Se a decisão for mantida pelo TJ-SC, a fabricante deverá indenizar os filhos menores do motorista e Juvelina Simão Ganem, mãe de outra vítima que viajava de carona no veículo. Cada um deles pode receber R$ 1 milhão.

“Não provando culpa exclusiva da vítima , caso fortuito ou força maior, a indenização é devida”, disse o juiz na sentença arbitrada no ano passado.

Processo nº 015.95.000785-8

Revista Consultor Jurídico, 22 de março de 2002.

Revista Consultor Jurídico, 22 de março de 2002, 15h36

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 30/03/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.