Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sob suspeita

Polícia Federal entrega documentos apreendidos na Lunus ao STJ

Os documentos e materiais apreendidos no escritório da empresa Lunus Serviço e Participações, de propriedade da governadora do Maranhão, Roseana Sarney e de seu marido, Jorge Murad, já estão no Superior Tribunal de Justiça.

Dois veículos da Polícia Federal entregaram seis caixas, um microcomputador e um envelope contendo documentos, nesta segunda-feira (11/3). Os valores encontrados na empresa – R$ 1,34 milhão – estão depositados em uma agência da Caixa Econômica Federal, no Maranhão.

Depois de passar pelos setores responsáveis pelo registro processual, a documentação será autuada conforme a determinação do ministro Ruy Rosado de Aguiar.

Posteriormente, os documentos serão encaminhados ao Ministério Público Federal, que examinará as peças. Cabe ao MP encaminhar, ou não, um pedido ao STJ para a instauração de inquérito criminal envolvendo a governadora Roseana Sarney.

Revista Consultor Jurídico, 11 de março de 2002.

Revista Consultor Jurídico, 11 de março de 2002, 13h22

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 19/03/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.