Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Servidores parados

Greve de servidores da JF paulista tem adesão de 78% no interior

A greve da Justiça Federal no interior de São Paulo já atingiu 78% dos servidores. Na capital, o percentual é de 60%. A informação é do Sintrajud. A categoria está com as atividades paralisadas desde o dia 6 de maio.

Na terça-feira (21/5), ocorreu nova reunião de negociação em Brasília para discutir a aprovação do Plano de Cargos e Salários. O governo manteve a proposta de parcelar o plano em quatro anos e iniciar o pagamento apenas a partir de fevereiro de 2003. A proposta já foi rejeitada pela categoria na assembléia feita na semana passada.

“Essa proposta do governo é inaceitável, principalmente quando já está previsto na legislação que todo reajuste setorial será descontado das reposições lineares concedidas na data-base dos servidores. Com isso, nosso PCS pode virar pó”, afirma Ana Luiza de Figueiredo Gomes, diretora do Sintrajud e da Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União – Fenajufe.

Segundo os servidores, a greve do Judiciário Federal no estado de São Paulo atinge 18 dos 24 fóruns da Justiça Federal no interior; 17 fóruns da Justiça Trabalhista da Baixada Santista e Grande São Paulo (que engloba 29 fóruns); e 73 dos 85 fóruns da Justiça Trabalhista no interior, além do Tribunal Regional do Trabalho de Campinas. Os servidores do Tribunal Regional Eleitoral e a 1ª Zona Eleitoral também aderiram à greve.

Revista Consultor Jurídico, 23 de maio de 2002, 10h55

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 31/05/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.