Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sem comunicação

Anatel coordena 10º teste de bloqueador de celular em presídio

A Agência Nacional de Telecomunicações coordenou, nos dias 6 e 7 de maio, o 10º teste com equipamento bloqueador de sinal de telefone móvel celular, no Centro de Detenção Provisória II do Complexo Penitenciário Chácara do Belém, zona leste do município de São Paulo.

O teste foi acompanhado pela diretora do CPD II, Mariza da Costa Gadelha Rodrigues, e o chefe de segurança da instituição, Eduardo Vilas Boas. O centro de detenção abriga 938 internos, que aguardam decisão judicial.

As condições climáticas - tempo bom, com sol, poucas nuvens e sem ventos, com garoa leve no primeiro dia - foram consideradas ideais para a realização dos experimentos. Esee foi o segundo teste realizado naquele Complexo Penitenciário e o sexto no Estado de São Paulo. O primeiro, realizado no CPD I, ocorreu nos dias 18 e 19 de dezembro de 2001, com equipamentos da marca Data Megha. Também foram feitos dois testes em Minas Gerais (Contagem e Uberlândia) e dois no Rio de Janeiro, ambos no Complexo Penitenciário de Bangu.

Quatro marcas de equipamentos (Telsate, Telsec, Data Megha e Brasil Sul) já foram selecionadas pela Agência, por terem demonstrado nos testes de campo padrões de eficiência e funcionalidade mínimos exigidos pela equipe de técnicos, e estão à disposição das autoridades para instalação e uso. A Gerência Geral de Certificação Engenharia do Espectro da Agência, responsável pelas experiências, informou que está prevista a realização de

mais dois testes nos próximos dias.

Revista Consultor Jurídico, 9 de maio de 2002, 11h58

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/05/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.