Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Terror anunciado

TST lamenta bomba na OAB-ES e presta solidariedade a advogados

O presidente em exercício do Tribunal Superior do Trabalho, ministro Vantuil Abdala, lamentou a explosão de uma bomba na seccional da OAB do Espírito Santo, no centro de Vitória, nesta quinta-feira (25/7).

O ministro manifestou solidariedade ao presidente nacional da entidade, Rubens Approbato. Abdala disse esperar uma atitude do governo federal. "Estou indignado e espero que o governo federal se conscientize da grave crise no Espírito Santo e tome medidas mais drásticas e urgentes no combate ao crime organizado", afirmou.

A OAB foi a autora do pedido de intervenção federal no Espírito Santo, negado pelo governo e por um parecer do procurador-geral da República, Geraldo Brindeiro, que propôs o seu arquivamento.

O presidente da OAB, Rubens Approbato, agradeceu a manifestação do presidente em exercício do TST e lembrou que a Justiça do Trabalho "sempre esteve ao lado do Direito e da Cidadania".

Approbato estava em Salvador (BA), onde foi avisado pelo presidente da seccional, Agesandro da Costa Pereira sobre o ocorrido. Approbato ligou imediatamente para o governador capixaba, José Ignácio, para cobrar providências e dizer que o governo poderá ser responsabilizado se algo mais grave acontecer contra pessoas que denunciaram o crime organizado no Estado. Rubens Approbato telefonou também para o presidente do Supremo Tribunal Federal, Marco Aurélio Mello.

Revista Consultor Jurídico, 25 de julho de 2002, 19h27

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 02/08/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.