Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sociedade de Vitimologia

Promotor de Justiça vai presidir Sociedade de Vitimologia em MG

A seção da Sociedade Brasileira de Vitimologia de Minas Gerais será presidida pelo promotor de justiça de Itanhomi, Lélio Braga Calhau.

A entidade estadual será instalada em Governador Valadares, nas dependências da Faculdade de Direito do Vale do Rio Doce (Fadivale). Calhau é professor de Direito Penal na Fadivale.

A Sociedade Brasileira de Vitimologia foi fundada em julho de 1984. Na época, especialistas das áreas de Direito, Medicina, Psiquiatria, Psicanálise, Psicologia, Sociologia e Serviço Social e outros estudiosos das ciências sociais uniram-se para consolidar, no Brasil, os conhecimentos da Criminologia.

A unidade brasileira é filiada a Word Society of Victmology, sediada na Alemanha. A seção mineira estará automaticamente associada à entidade mundial.

O promotor afirma que a entidade é voltada para os interesses dos vitimizados. De acordo com o promotor, sua finalidade é fazer estudos, seminários e congressos ligados ao tema. A Sociedade também mantém contato com grupos nacionais e internacionais e promover reuniões regionais, nacionais ou internacionais sobre Vitimologia.

A seção mineira será composta também pelos professor Carlos Canedo (vice-presidente). Os diretores serão o coronel PM Severo Augusto da Silva Neto, o delegado Jesus Trindade Barreto Júnior, o deputado federal Ibrahim Abi-Ackel, o sociólogo Cláudio Beato e os advogados Ronald Amaral Júnior e Arthur Gonzaga da Costa, além de dirigentes da entidade nacional.

O presidente de honra da seção mineira será o juiz do Tribunal de Alçada do Estado de Minas Gerais, Alexandre Victor de Carvalho.

Revista Consultor Jurídico, 3 de janeiro de 2002, 15h07

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 11/01/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.