Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Selo de qualidade

Secretarias do Supremo recebem certificado de qualidade

O Supremo Tribunal Federal recebeu nesta quarta-feira (18/12), pelo segundo ano consecutivo, o Certificado ISO 9001-2000, concedido pela Fundação Carlos Alberto Vanzolini. A certificação se deu em razão do padrão de qualidade estabelecido pelos das secretarias de Informática e de Processamento Judiciário.

Em nome da Corte, o presidente do STF, ministro Marco Aurélio, fez o discurso de agradecimento, traçando um paralelo entre a perfeição e o perfeccionismo e ressaltou que, "na vida, nos aprimoramos passo a passo e isso, em se tratando da administração pública, é importantíssimo".

Marco Aurélio lembrou que, conforme consta do artigo 37 da Constituição, "ao lado da legalidade, da impessoalidade, da publicidade e da moralidade pública, nós temos também a eficiência".

Ao parabenizar os servidores do STF pela certificação, o presidente afirmou: "Somos todos, indistintamente, cada qual na sua seara, servidores públicos remunerados pelos contribuintes. E por isso mesmo devemos contas a ele". Ele garantiu que o Certificado Iso 9001 "partiu da realidade do Supremo, do seu dia-a-dia". "Não há nada que gratifique mais do que ter uma atuação digna e voltada ao bem estar do semelhante. Transfiro, como presidente do Supremo Tribunal Federal, a cada qual dos servidores desta casa, os certificados recebidos".

O presidente da Fundação Carlos Alberto Vanzolini, Marcelo Schnerck de Paula Pessoa, afirmou estar honrado de, mais uma vez, entregar a certificação ISO 9001 ao Supremo Tribunal Federal. Ele ressaltou que o STF, mais uma vez, provou que detém um modelo de gestão de qualidade.

A partir da certificação, disse o presidente da Fundação, estas duas unidades do Supremo Tribunal Federal passam a ser referências para qualquer outro órgão público não importando a natureza de suas tarefas.

Revista Consultor Jurídico, 18 de dezembro de 2002, 18h22

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 26/12/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.