Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Universalização

Projeto Gesac leva Internet gratuita à população de baixa renda

O ministro das Comunicações, Juarez Quadros, entregará na próxima segunda-feira (9/12) a primeira unidade nuclear do Gesac (Governo Eletrônico - Serviço de Atendimento ao Cidadão). O Gesac levará o acesso gratuito à Internet às populações de baixa renda em todo o País. Segundo o Ministério das Comunicações, todas as pessoas que vivem em comunidades acima de 10 mil habitantes serão atendidas e terão condições plenas de acessar os serviços do governo.

A Vila Olímpica da Mangueira (Rua Santo Melo, 73), no Rio de Janeiro (RJ), foi o local escolhido para a entrega do primeiro ponto de atendimento do programa. Serão entregues pelo ministro, também na próxima semana, as primeiras unidades do Gesac em Belo Horizonte (MG), Belém (PA) e São Paulo (SP). Na semana seguinte será a vez de Fortaleza (CE). Essas unidades fazem parte do primeiro lote de 400 terminais em instalação.

Governo eletrônico

Atualmente 72% dos serviços do governo federal estão disponibilizados na Internet. Os terminais do programa vão oferecer acesso gratuito às informações e serviços dos governos federal, estaduais e municipais, registrados sob o domínio ".gov.br", além de universidades e organizações não-governamentais, registradas como ".org.br".

Hoje o país possui 737 domínios governamentais na Internet e 11.140 domínios ".org.br". Os acessos aos domínios ".com.br", mantidos por provedores particulares e empresas com interesse comercial, serão cobrados via cartão pré-pago, sistema em fase de testes.

Universalização

O GESAC é um programa do governo federal para a universalização do acesso à Internet, especialmente para as populações de baixa renda. No total, o Ministério das Comunicações investirá R$ 77,9 milhões no Gesac, que terá 3,5 mil terminais de computadores com acesso gratuito à Internet em 2.734 localidades. Em pleno funcionamento, o programa possibilitará uma média de 80 mil acessos diários.

Em 2002, deverá ser instalado um total de 820 terminais. A estrutura básica do Gesac comporta 6 mil pontos, o que permitirá a posterior ampliação do projeto. Cada unidade nuclear terá de 1 a 6 terminais de computadores e contará com pessoas preparadas para orientação ao público. A unidade da Mangueira, primeira a ser entregue, terá 3 computadores. Os terminais isolados serão instalados em quiosques de auto-atendimento e a orientação de uso será via rede.

Fonte: Ministério das Comunicações.

Revista Consultor Jurídico, 8 de dezembro de 2002, 8h49

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 16/12/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.