Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Venda casada

MP abre inquérito para investigar venda casada em computadores

O Ministério Público de São Paulo abriu inquérito para apurar responsabilidades civis e penais dos diretores de empresas de informática na venda de produtos. A provocação foi feita pelo advogado Amaro Moraes e Silva Neto.

Segundo o advogado, as empresas fizeram anúncios publicitários e estariam "de forma indireta condicionando a venda de computadores à aquisição do sistema operacional Windows". Por isso, ele pediu para o MP investigar eventuais delitos que infringem o Código de Defesa do Consumidor.

As empresas de informática investigadas são: Today's Computers Informática, Por Stations, Dygestore, Hard Leste, O Notebook e MC Grow.

Veja notícia relacionada: Advogado pede para MP investigar empresas em SP.

Revista Consultor Jurídico, 2 de agosto de 2002, 10h12

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 10/08/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.