Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Direitos Humanos

Centro americano de defesa dos direitos humanos visita o Brasil

Os diretores do Centro de Direitos Humanos Memorial Robert Francis Kennedy, com sede em Washington (EUA), chegaram ao Paraná essa semana. Eles visitarão acampamentos de sem-terra, áreas de conflitos pela posse da terra e entidades ligadas à luta pelos direitos humanos.

Os diretores, Todd Howland e Kimberly Stamtonm, também participarão de audiência com a Procuradora-Geral de Justiça, Maria Tereza Uilli, e o bispo auxiliar de Curitiba, Dom Ladislau Biernaski.

No ano passado, o Centro RFK premiou o advogado Darci Frigo por sua luta em favor dos direitos humanos dos trabalhadores rurais sem terra do Paraná. Os representantes do Centro visitarão outros três Estados (Pará, Pernambuco e Paraíba) e participarão de audiências com autoridades em Brasília.

O objetivo das visitas é conhecer a realidade dos direitos humanos nestes Estados e pressionar as autoridades responsáveis. Além disso, a visita possibilitará que se estabeleça uma ligação entre o Centro RFK e a comunidade internacional.

O Centro RFK mantém status de consultor da ONU, elabora e publica relatórios, promove campanhas, faz denúncias e incentiva governos e organizações internacionais a defenderem os direitos humanos.

Aproveitando a visita do Centro RFK ao Paraná, a Comissão Pastoral da Terra e o Centro de Justiça Global divulgam, nesta terça-feira (30/04), o relatório "Na Linha de Frente: Defensores de Direitos Humanos no Brasil-1997-2001". O relatório foi elaborado pelo Centro de Justiça Global e pela ONG irlandesa Front Line.

Revista Consultor Jurídico, 30 de abril de 2002, 13h36

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 08/05/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.