Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Manifestação em assembléia

Acionistas minoritários ganham direito de voto em empresa

Acionistas minoritários têm direito de voto em assembléias gerais da empresa. A decisão inédita é do Tribunal de Justiça de São Paulo, ao julgar recurso de acionistas minoritários, que são portadores de 45,9% das ações preferenciais da empresa Plascar, uma das subsidiárias do grupo multinacional americano Textron.

O advogado dos minoritários, Jorge Lobo, conseguiu também suspender a última decisão da empresa que aprovou as contas e o balanço no mês de abril. Para o advogado dos minoritários, a atitude do grupo multinacional é um mau exemplo no momento em que se discute a questão da governança corporativa no Brasil.

A empresa foi fundada em 1923 e figura como a 154ª na lista das 500 maiores americanas da revista Fortune. Seu faturamento líquido anual foi de US$ 13 bilhões, no ano passado.

Revista Consultor Jurídico, 30 de maio de 2001, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 07/06/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.