Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Queda de alambrado

Torcedores vão processar Vasco por danos morais e materiais

A defensora pública Rosana Hasson Lyra, disse nesta quinta-feira (4/1) que o Vasco será alvo de pelo menos 13 ações na Justiça, em função da tragédia ocorrida no estádio de São Januário, na final da Copa João Havelange.

"Torcedores que foram vítimas do episódio nos procuraram. Foram 13 registros de ocorrência e exames de corpo de delito e, agora, vamos ajuizar ação de responsabilidade por danos morais e materiais. Os torcedores são consumidores e o Vasco tem responsabilidade objetiva no caso", disse Rosana.

A defensora deixou claro que a ação é contra o clube, não havendo necessariamente responsabilização pessoal de dirigentes. "A responsabilidade não recai sobre o ocupante da presidência, mas sobre o cargo máximo da instituição", afirmou Rosana Lyra.

Fonte: Jornal do Brasil

Revista Consultor Jurídico, 4 de janeiro de 2001, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 12/01/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.