Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sob suspeita

OAB-SP decide se juiz acusado de desviar dinheiro pode advogar

O Tribunal de Ética da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de São Paulo, decidirá no início do próximo ano se um juiz tem direito de advogar. A imprensa divulgou diversas acusações contra o juiz de desvios de valores relacionados a processos na comarca em que atuava.

Uma sindicância administrativa foi aberta pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. Porém, no meio das investigações o juiz pediu exoneração. Então, o TJ-SP arquivou a sindicância administrativa.

O pedido do juiz para ser reinscrito na entidade foi impugnado por um conselheiro da OAB. No entanto, a impugnação do pedido ainda não é definitiva.

Revista Consultor Jurídico, 28 de dezembro de 2001, 13h08

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 05/01/2002.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.