Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Cirurgia problemática

Dentista e anestesista devem indenizar por negligência em cirurgia

A 3ª Vara Cível de Caxias do Sul (RS) condenou um dentista e um médico anestesista a pagar 800 salários mínimos para um menor de idade por causa de uma cirurgia dentária. O garoto passou a viver vegetativamente após a cirurgia, necessitando de fraldas, medicamentos, enfermeiras e fisioterapia.

Eles também devem indenizar a família em R$ 130 mil. O valor é referente ao que foi gasto nos primeiros quatro anos de tratamento.

Na ação, que tramita desde julho de 1997, a juíza Viviane Miranda Becker também mandou o médico e o dentista pagarem pensão vitalícia de 37,95 salários mínimos mensais (R$ 6.831,00). Deverão, ainda, pagar pensão alimentícia de um salário mínimo desde janeiro de 1993, quando o garoto foi submetido a cirurgia e nunca mais saiu do estado vegetativo. As partes ainda podem recorrer ao TJ-RS.

Revista Consultor Jurídico, 4 de dezembro de 2001, 10h04

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 12/12/2001.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.