Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Greve geral

Justiça Eleitoral pode entrar em greve na próxima semana

Os servidores da Justiça Eleitoral irão se reunir, no dia 28/9, para decidir sobre uma greve geral.

Os servidores do TRE paulista estão realizando, nesta quarta-feira (20/9), um paralisação de 24h, enquanto seus colegas de outros nove estados se reúnem em assembléias para decidir se aderem à paralisação.

Os funcionários reivindicam a reposição de perdas salariais nos seis anos em que não têm tido reajuste. Outra exigência é o pagamento da diferença de 11,98% referentes ao atraso de dez dias na conversão de salários de Cruzeiro Real para URV, em 1994.

Os coordenadores do movimento grevista se reuniram nesta madrugada com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Néri da Silveira.

O ministro, que também faz parte do corpo de juízes do Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou que está comprometido com as reivindicações dos servidores e que as levará ao debate no Supremo e no próprio TSE.

Uma nova reunião entre os representantes dos trabalhadores e Silveira está marcada para o dia 27/9. Se o encontro não produzir resultados a greve poderá ocorrer.

Revista Consultor Jurídico, 20 de setembro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/09/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.