Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Naya condenado

Sérgio Naya é condenado a pagar R$ 1 milhão em indenizações

O empresário Sérgio Naya foi condenado, nesta sexta-feira (15/9), a indenizar, em 100 salários mínimos, cada um dos 91 moradores do edifício Palace I por danos morais. A soma de todas as indenizações ultrapassa R$ 1 milhão.

O prédio foi interditado no período entre 22 de fevereiro a 8 de outubro de 1998 para que fosse feita uma avaliação dos materiais utilizados em sua construção.

O prédio fica ao lado de onde estava o Palace II que desabou por ter sido construído com materiais de baixa qualidade. A queda resultou na morte de 8 pessoas.

Ao condenar Naya, o juiz Antônio Carlos Esteves Torres, da 39ª Vara Cível do Rio de Janeiro, afirmou que os moradores foram afastados de seus lares por imposição oficial causada pela negligência da construtora do empresário.

Segundo o juiz, os moradores ficaram em situação precária, em hotéis e casas de parentes, sendo alvo de "curiosidade pública com resultados negativos que certamente não cessarão em tempo previsível". Ainda cabe recurso da decisão.

Revista Consultor Jurídico, 15 de setembro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 23/09/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.