Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Bola na rede

CBF é condenada por causa de álbum de figurinhas de tricampeões

Por 

O uso não autorizado da imagem dos jogadores tricampeões em um álbum de figurinhas vai custar à Confederação Brasileira de Futebol e à Editora Abril o equivalente a US$ 24 mil (cerca de R$ 45 mil) por jogador.

A decisão foi anunciada nesta quinta-feira (9/11), pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

A CBF havia vendido os direitos à Editora Abril para a publicação de álbum comemorativo do tricampeonato de futebol obtido pela seleção brasileira. O processo arrasta-se há anos.

Preliminarmente, os desembargadores fluminenses tiveram que superar uma questão pitoresca: se o valor da imagem de atacantes e armadores seria maior que a de defensores - uma vez que o prestígio dos primeiros é superior.

Prevaleceu o entendimento do juiz Eduardo Sócrates Sarmento, de que, para a vitória, todos contribuem igualmente.

A decisão desta semana beneficiou o goleiro Castilho, o lateral direito De Sordi e o espólio do preparador físico Admildo de Abreu Chirol.

 é editor da revista Consultor Jurídico no Rio de Janeiro

Revista Consultor Jurídico, 9 de novembro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 17/11/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.