Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Caso Incal

Revogada prisão preventiva Fábio Monteiro de Barros Filho

Foi revogada, nesta quarta feira, a prisão preventiva do empresário Fábio Monteiro de Barros Filho.

Ele é acusado, juntamente com o magistrado Nicolau dos Santos Neto e com o ex-senador Luis Estevão, de cometer irregularidades na construção do Fórum Trabalhista de São Paulo.

A prisão preventiva, que havia sido decretada em abril deste ano, foi revogada pelo juiz Casem Mazloum, da 1ª Vara Criminal Federal de São Paulo.

A decisão foi tomada mediante novos dados trazidos ao processo. Entre eles, um "Instrumento de Compra e Venda de Ações", assinado em fevereiro de 92, que transfere 90% das ações da Incal Incorporações a outro grupo empresarial.

Segundo Mazloum, "não somente as provas incriminadoras devem ser consideradas pelo juiz, mas também as que favorecem

os acusados".

Revista Consultor Jurídico, 28 de junho de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 06/07/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.