Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Esclarecimentos indeferidos

EJ e Martus são dispensados de depoimento no Congresso

O ex-secretário da Presidência da República, Eduardo Jorge Caldas, e o ministro do Planejamento, Martus Tavares, não devem prestar depoimento no Congresso Nacional.

A Comissão Representativa do Congresso Nacional rejeitou, nesta quarta-feira (19/7), os requerimentos de convocação apresentados pela oposição.

Também foi dispensado de depor no Congresso o governador do Distrito Federal, Joaquim Roriz. Segundo a oposição, ele deveria esclarecer suposta prática de incitação à violência em ato público realizado em Brasília.

De acordo com o relator da matéria, deputado Márcio Reinaldo (PPB-MG), a comissão não tem competência para tratar de questões estaduais. O PT recorreu da decisão à presidência da comissão.

Revista Consultor Jurídico, 20 de julho de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 28/07/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.