Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Caso Eduardo Jorge

Caso Eduardo Jorge: oposição e entidades pedem CPI no dia 24.

Os partidos de oposição e entidades nacionais, como a OAB, CNBB e CUT, vão apresentar, na próxima segunda-feira (24/7), pedido de instalação de uma CPI para apurar o suposto envolvimento do ex-secretário da Presidência da República, Eduardo Jorge Caldas, na liberação de verbas para a obra do TRT de São Paulo.

Segundo o deputado Walter Pinheiro (PT-BA), a coleta de assinaturas para a instalação da CPI deve começar dia 1º de agosto. Na segunda semana do mês, será realizado ato público em Brasília, para pressionar o Congresso Nacional a aprovar o pedido da oposição.

A decisão de pedir a CPI foi tomada nesta segunda-feira (17/7), após reunião entre os deputados Walter Pinheiro (PT-BA), Djalma Paes (PSB-PE) e Sérgio Miranda (PCdoB-MG).

Os deputados decidiram também que não haverá autoconvocação do Congresso Nacional para tratar do assunto. Segundo Pinheiro, os parlamentares devem analisar o pedido em agosto, quando retornarem do recesso.

Embora a convocação extraordinária já tenha sido descartada, a Comissão Representativa deve funcionar, para definir as medidas que serão tomadas no retorno dos trabalhos legislativos.

Revista Consultor Jurídico, 18 de julho de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 26/07/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.