Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Sob suspeita

Membro da CPI pode ser investigado por ligação com traficante

O procurador-geral da República, Geraldo Brindeiro, pediu autorização ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o sub-relator da CPI do Narcotráfico, deputado Wanderley Martins de Brito (PDT-RJ).

O pedido é referente a inquérito que investiga a possível ligação entre o parlamentar e o traficante Walter Gomes de Carvalho Filho, o Waltinho - considerado líder do tráfico de drogas na favela São Lourenço, em São Gonçalo (RJ).

O inquérito contém uma fita de vídeo com imagens do deputado conversando com o traficante - à época foragido - em um churrasco promovido por Wanderley Martins durante campanha eleitoral.

Brindeiro também requisitou o encaminhamento do processo à Polícia Federal para que, no prazo de 60 dias, sejam retomadas as investigações e ouvidos o deputado e o traficante. O relator do inquérito do STF é o ministro Moreira Alves.

Revista Consultor Jurídico, 27 de janeiro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 04/02/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.