Consultor Jurídico

Notícias

Você leu 1 de 5 notícias liberadas no mês.
Faça seu CADASTRO GRATUITO e tenha acesso ilimitado.

Ação contra filme

Filme de Bruno Barreto é condenado a pagar indenização

A Justiça do Rio de Janeiro concedeu uma indenização, por danos morais, de 1000 salários mínimos (cerca de R$ 151 mil) aos familiares do ex-guerrilheiro Virgílio Gomes da Silva, da Ação Libertadora Nacional (ALN), já falecido. A ação é movida contra os produtores do filme "O que é isso companheiro?", de Bruno Barreto.

A decisão da Justiça, em primeira instância, ainda não é definitiva. Os réus poderão entrar com recurso.

Segundo a notícia divulgada no site Hollywood.com, a Justiça atendeu a reivindicação da ação movida contra a forma negativa com que o filme retratou o ex-guerrilheiro.

Os produtores alegam que o personagem teria sido baseado em várias pessoas, e não apenas em Virgílio.

Revista Consultor Jurídico, 15 de dezembro de 2000, 0h00

Comentários de leitores

0 comentários

Comentários encerrados em 23/12/2000.
A seção de comentários de cada texto é encerrada 7 dias após a data da sua publicação.